Share |

Centro Hospitalar de Vila Nova de Gaia/Espinho

O Centro Hospitalar de Vila Nova de Gaia/Espinho - Entidade Pública Empresarial (EPE) possui um serviço de urgência polivalente e dá resposta a uma vasta população residente em Vila Nova de Gaia e em Espinho.

Este Centro Hospitalar foi recentemente alvo de uma ação inspetiva efetuada pela Inspeção-geral das Atividades em Saúde (IGAS). De acordo com informações divulgadas pela comunicação social, esta inspeção concluiu que ocorreram diversas irregularidades na contratação de trabalhadores, sendo que mais de 200 profissionais foram contratados sem que existisse qualquer procedimento concursal. A esta situação acrescem outras irregularidades, como sejam decisões tomadas pela presidência do Conselho de Administração (CA) sem ratificação por parte dos restantes membros do CA ou a realização de despesas consideradas desadequadas.

Perante o exposto, e tendo em conta a auditoria realizada, o Bloco de Esquerda considera essencial conhecer quais as medidas vai o Governo implementar para sanar as irregularidades identificadas pelo IGAS no Centro Hospitalar de Gaia/Espinho.

Atendendo ao exposto, e ao abrigo das disposições constitucionais e regimentais aplicáveis, o Grupo Parlamentar do Bloco de Esquerda vem por este meio dirigir ao Governo, através do Ministério da Saúde, as seguintes perguntas:

1.  O Governo tem conhecimento da situação exposta?

2. Quais as medidas que o Governo vai implementar perante os resultados da inspeção realizada pelo IGAS ao Centro Hospitalar de Vila Nova de Gaia/Espinho?

AnexoTamanho
Pergunta: Centro Hospitalar de Vila Nova de Gaia/Espinho246.34 KB