Author Bios

Perguntas ao governo

  • No dia 8 de agosto, um cidadão residente em Lisboa dirigiu-se à urgência deste hospital com fortes dores e corrimento nos ouvidos.  Após duas horas a aguardar atendimento, foi chamado a uma sala onde lhe foi entregue um formulário que já vinha preenchido tendo-lhe sido indicado que, com aquele documento, lhe iria ser marcada uma consulta de otorrinolaringologia para os próximos dias.

    Perante a estupefação e perplexidade do utente relativamente ao facto de ir sair do hospital sem ser atendido, foi-lhe referido que de acordo com uma diretiva recente, tinham deixado de chamar  otorrinolaringologistas à urgência, excepto em três situações específicas, entre as quais se encontra o traumatismo craniano.

  • Domingo, 5 de agosto, foi cancelada a vendas de bilhetes para trajetos de longo curso, feitos por comboios Alfa Pendular, “nomeadamente para aqueles que circulam em pontos que têm revelado maior impacto no aumento das temperaturas interiores”, segundo explica a CP.

    A razão do cancelamento das vendas foi a diminuição de passageiros e, consequentemente, da carga térmica destes comboios, que não estão preparados para circular com a sua lotação cheia e as temperaturas que se têm sentido no país, uma vez que o seu sistema de ar condicionado não foi concebido para suportar temperaturas acima dos 42 graus.

    No entanto, quer através dos relatos feitos pela comunicação social, quer através de queixas que chegaram diretamente ao Bloco de Esquerda, tivemos conhecimento de várias viagens durante este fim-de-semana em que se sentiram temperaturas extremas a bordo de comboios da CP, quer nos Alfa Pendulares quer nos Intercidades.

  • O Bloco de Esquerda teve conhecimento que a empresa Ecco'let - fábrica de sapatos, Lda., situada em S. João de Ver, concelho de Santa Maria da Feira, estará a fazer assédio moral a cerca de 30 trabalhadores para que estes rescindam o contrato com a empresa por mútuo acordo.