Share |

Plataforma digital em sistema de informação geográfica (sig)

Sendo nós um país assimétrico com fortes disparidades regionais e nacionais que durante décadas teimou em litoralizar a população e por consequência bipolarizar com o crescendo das áreas metropolitanas de Lisboa e Porto, ao mesmo tempo que assistimos passivamente ao despovoamento do interior Norte, Centro, Algarve e todo o Alentejo, como que normalizando o anormal numa espécie de premissa da fatura do progresso.

Sabendo-se que este fenómeno de concentração / despovoamento arrastou consigo uma disparidade enorme de antagónicas realidades, sejam elas económicas – traduzido, por exemplo, no índice de compra, no rendimento médio mensal; sociais – nomeadamente na prestação de serviços; demográficas – veja-se os indicadores de natalidade e densidade populacional.

Percebendo-se que há hoje uma consensual consideração de abandono de uma parte substancial do país, ao mesmo tempo, por contraste, criamos outro grande problema como são os aglomerados populacionais nas Áreas Metropolitanas (AML e AMP) que deixaram de ter capacidade de resposta de serviços e meios para uma tão grande população tornando as vantagens da concentração em desvantagens, como que uma deseconomia de aglomeração.

Contribuindo para senda da digitalização da sociedade propalada pelo governo e como instrumento prático de combate às assimetrias regionais, o Grupo Parlamentar do Bloco de Esquerda, ao abrigo das disposições constitucionais e regimentais aplicáveis, propõe que a Assembleia da República recomende ao Governo:

A implementação de uma Plataforma digital em Sistema de Informação Geográfica (SIG) - à escala local e regional mas simultaneamente inserido numa visão nacional, que permita determinar a localização espacial mais adequada à criação / construção de qualquer infraestrutura através de uma ajustada combinação de fatores intervenientes, capaz de conjugar todas as ferramentas como forma de potencializar os instrumentos de produção de informação que permitam melhores e mais organizadas tomadas de decisão.
 

AnexoTamanho
pj_resolucao_sig.pdf150.48 KB