Share |

Moisés Ferreira: "Não se deixe para um futuro incerto o que podemos aprovar agora"

Moisés Ferreira responde à interpelação do Partido Socialista sobre o Projeto de Lei n.º 1221/XIII/4.ª do Bloco de Esquerda que dispensa a cobrança de taxa moderadora nos cuidados de saúde primários e nas demais prestações de saúde sempre que a origem de referenciação para estas for o Serviço Nacional de Saúde. | 2019-06-14